Os Flamboyants (viva o hoje)

AJUST%2021_01_14%20O%20Flamboyant%20é%20uma%20árvore%20de%20origem%20Africana,%20considerada%20uma%20das%20mais%20belas%20do%20mundo_%20Crédido%20Aender%20m_f
Crédito: Aender m.f

No meu 3° ano do ensino médio, durante uma aula de redação, li um texto de Rubem Alves chamado “Os Flamboyants”. Recomendo a todos lerem, pois desde o primeiro dia que li, a mensagem do texto mantém-se no meu subconsciente, tanto que, sem perceber, acabo me lembrando dele e refletindo novamente.

Para mim, a mensagem central do texto é: viva o hoje enquanto ainda há tempo, enquanto a chama da vida ainda brilha em você. Parece simples, mas, talvez por ser simples esquecemos de viver o hoje e nos deparamos presos ao passado ou nos iludindo com um futuro que nem existe. Não valorizamos o hoje que, assim como a própria palavra já diz, é um presente – um presente que nem sempre teremos.

A vida é como um Flamboyant – uma árvore com flores vibrantes e muito bonitas. Flamboyant significa em francês chamejante e deriva da palavra em latim, Flamma, que significa chama. Quando a árvore Flamboyant está repleta de flores, elas apresentam cores tão fortes e vibrantes que, de longe, aparentam estar em chamas. Contudo, seguindo a lei da natureza, em determinada estação de sua vida, as flores caem para completar o seu ciclo natural. Assim é a nossa vida, mas, ao contrário das flores, não sabemos quando começam e terminam as estações da nossa caminhada terrena. Por isso, algo tão simples como viver o hoje se torna tão essencial.

Portanto, viva o hoje! E lembre-se, quando digo isso não quero dizer para viver sem responsabilidades e sem considerar as consequências de seus atos. Viver o hoje não é fazer tudo o que se quer quando quiser, é fazer tudo o que seja preciso ao mesmo tempo em que se é feliz, ou, em que se busca a felicidade. Não deixe as responsabilidades do dia a dia e a frieza que podemos encontrar no mundo queimar a chama da vida que existe em você. Lembra da leveza e da alegria de viver que tínhamos quando criança? Da capacidade de ver a beleza em tudo, em rir bem alto e dançar quando queríamos sem sentir vergonha; em pedir um abraço e dizer a todos que amávamos que nós os amávamos sem nos preocupar com a resposta? Reacenda essa criança em você!

Aproveite as pessoas que você ama enquanto elas ainda estão em sua vida e faça com que elas saibam que são importantes para você, não deixe a dúvida reinar! Corra atrás daquele sonho que você deixou para trás e se não der certo, viva outro sonho! Não diga que é tarde demais. Nunca é tarde para a alma que vive! Então, viva! Viva enquanto as flores do Flamboyant ainda estejam em chamas.

xoxox – Moara

Anúncios

Um comentário em “Os Flamboyants (viva o hoje)

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

Poeta da Garrafa

Este sítio expõem a palavra, a imagem, a voz da minha poesia. Foto: Odilon Machado de Lourenço.

Depois de Formada

Bem vindos, ao meu Blog! Aqui irei dividir com vocês um pouco das coisas que eu gosto!

Caos no Quarto

O que esperar de um blog criado em meio ao Caos de um quarto? Assuntos de uma rotina caótica: Livros, cabelos, musculação, engenharia, esportes, empreendedorismo, animais e por ai vai.

%d blogueiros gostam disto: