Pensamento do dia: A espera

Olá pessoal!

Hoje quero compartilhar com vocês um texto bem legal que li hoje de manhã que fala sobre a relação entre duas coisas inerentes a nossa vida: a espera e a esperança. Acho que vocês vão gostar, assim como eu. O título é: “Breve ensaio sobre a espera” e o autor, Maurício Gomyde.

Toni Verdú Carbó
Crédito: Toni Verdú Carbó

Breve ensaio sobre a espera

Passamos a vida esperando. Esperamos para nascer, então crescemos e vivemos tudo ali, só na espera, que é 2/3 de um dos sentimentos mais nobres de que se tem notícia: Esperança. E como essa última é a que morre por último, até a morte há tempo de esperar.

Pedros Pedreiros esperando, esperando…
A criança espera pelo presente, beijo da mãe, pai-super-herói chegando ao fim do dia, conto de fadas antes de dormir. O adulto, pelo futuro, aumento, romance de cinema, pela promoção, viagem dos sonhos. E o velho, pela morte, esperando que do outro lado o estejam esperando, de braços abertos, pessoas queridas que se foram antes.
O escritor espera pelo sopro de ideia que começará uma história. Em seguida, que suas páginas cheguem ao leitor com a força de um tufão. O músico, pelo lampejo de melodia que puxará a letra que desembocará no refrão inesquecível, cantado por multidões, cada qual em seu chuveiro. O mágico, pelo espanto; o palhaço pela gargalhada ao fim de seus novos números. E todo mundo gasta tempo na espera pelo dia em que finalmente terá tempo de sobra e a vida, enfim, vai ficar perfeita.
Esperando, esperando…
Saber esperar, dizem, é ato de sabedoria. Mas acho que não se conformar com a demora, também. Porque a vida pode ser uma só, e é melhor não esperar demais. Pois aquele 1/3 que sobra da Esperança há de ser feito de ação, de emoção, de antecipação dos desejos e sonhos. E se eles por acaso não se realizarem, tudo bem, paciência. Espera-se, então, um plano maior que explique por que não.
Hoje, só espero até setembro, quando a ação vai recomeçar. A emoção, por outro lado, nunca pausa. Casa nova, livro novo, novas ondas, letras, sons e histórias.
Vida nova. Primavera.
Assim espero.
(Maurício Gomyde)
O texto pode ser encontrada no site da Editora Intrínseca na parte dos colunistas – acesso aqui.
Anúncios

6 comentários em “Pensamento do dia: A espera

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

Poeta da Garrafa

Este sítio expõem a palavra, a imagem, a voz da minha poesia. Foto: Odilon Machado de Lourenço.

Depois de Formada

Bem vindos, ao meu Blog! Aqui irei dividir com vocês um pouco das coisas que eu gosto!

Caos no Quarto

O que esperar de um blog criado em meio ao Caos de um quarto? Assuntos de uma rotina caótica: Livros, cabelos, musculação, engenharia, esportes, empreendedorismo, animais e por ai vai.

%d blogueiros gostam disto: